Buscar
  • Matheus Cavalcante

O que é o Cartão de Crédito Consignado?


O cartão de crédito consignado é muito parecido com um cartão de crédito convencional, porém ele é exclusivo para quem pode pegar um empréstimo consignado. A principal diferença entre eles, é que no cartão consignado, caso o titular não consiga pagar o valor total da fatura, o pagamento mínimo é descontado diretamente do seu salário ou benefício.


Diferenças entre o cartão de crédito consignado e o cartão de crédito convencional


Existem várias diferenças entre o funcionamento do cartão de crédito convencional e o cartão de crédito consignado, as principais são as de que no consignado não existe anuidade, os limites de crédito costumam ser maiores do que em um cartão convencional, o cliente não é obrigado a ser correntista no banco onde pediu crédito e, além disso, ele também não passa por análises cadastrais para garantir que não tem o nome sujo na praça.

A maior diferença entre os dois cartões está na taxa de juros e prazo de pagamento. No caso da taxa, o cartão de crédito consignado tem um custo menor principalmente pelo banco ter garantido o pagamento pelo empréstimo – afinal, ele desconta o valor mínimo do seu salário ou benefício antes mesmo dele cair na conta. Referente ao prazo de pagamento, em alguns cartões de crédito convencionais ele chega a 35 dias, mas no cartão de crédito consignado o prazo pode chegar a 50 dias.


Quem pode fazer um cartão de crédito consignado


O cartão de crédito consignado é um produto destinado a aposentados e pensionistas do INSS servidores públicos, incluindo funcionários das Forças Armadas, desde que possuam limite na margem consignável.


Vantagens do cartão de crédito consignado


▪ Não tem anuidade;

▪ Saques em dinheiro de 90% do limite do seu cartão;

▪ Sem consulta ao SPC/SERASA;

▪ Fatura igual de um cartão convencional, com descrição dos locais de compra, data, etc.;

▪ Se você não pagar o valor total da fatura, desconta somente 5% do seu salário. 72 meses para quitar o crédito;

▪ Juros médios de 3% ao mês;

▪ Algumas bandeiras de cartão tem programas de pontos.